sexta-feira, 15 de julho de 2011

Mágicos e Médiuns

Nos seus estudos de mágica, o Syrus aprendeu um grande ensinamento com seu mestre: mágica é algo para entretenimento, para fazer as pessoas felizes, para divertir. Nunca, em nenhuma apresentação, deve ser falado que é algo sobrenatural, pois mágica não é magia, e para ser mágico não é necessário ser mago. E por quê tudo isto? Porque se o mágico se desviar da função de entretenimento e dizer que tem poderes mediúnicos, em algum momento ele pode realmente acreditar nisto e aí todo seu profissionalismo estará comprometido. Um mágico pode ser um médium também, mas cada coisa a seu tempo e em seu lugar.
Achei isto interessante porque no início da nossa caminhada dentro da Umbanda  o médium também tem que se ater ao seguinte detalhe: ser médium não é ser mágico. Eu creio que até , em alguns atendimentos, possam acontecer alguns "efeitos especiais" não por vontade do médium, mas até pela necessidade da fé do consulente. Mas jamais, em tempo algum, o médium pode pensar que isto vá se repetir, ou que ele possa produzir isto sozinho. Até porque estes "efeitos  especiais"  são legais só no cinema. O que a Umbanda faz é muito maior do que isto.
Eu mesma tive um grande aprendizado esta semana. Seo Sete Cachoeiras chamou um jovem médium da corrente e pediu que segurasse a mão da consulente. Depois disse : passe para ela a mensagem meu filho. O menino, meio envergonhado, se enrolou, e seo Sete Cachoeiras falou que ele mesmo passaria: era para a senhora antes de responder qualquer coisa para o marido respirar e conversar, e no trabalho que exercia, ser mais direta em suas colocações , pois estava sendo infeliz deixando de falar o que precisava. O rapaz se espantou e disse que a mesma mensagem havia recebido só que de forma diferente: que a senhora acendesse uma vela antes de falar em casa e que no trabalho soubesse que em casa há uma vela acessa. Sabiamente, seo Sete Cachoeiras então explicou: meu filho se vem uma pessoa aqui nesta Casa e está aflita, ao ouvir seu conselho pode levar ao pé da letra. Já pensou se a pessoa realmente acender uma vela em cada momento destes? Veja: quanto mais claro e simples você for,mais resultado obterá.
A transmutação de pensamentos é algo muito ,mas muito mais espantoso que os "efeitos especiais" no meu entendimento. Ela conduz a estradas mais arejadas e luminosas. Fazer com que uma pessoa reflita e reveja seus pontos de vista por outro ângulo é também uma das grandes habilidades das entidades, e um processo que pode levar a uma cura de diversos males.Para isto o médium deve estar preparado. Eu nunca havia pensado neste ponto de vista exposto pelo seo Sete Cachoeiras e fiquei até pensando se o ensinamento não era também para mim. Como sempre escuto e presto atenção aos meus dirigentes no terreiro e leio bastante, a mensagem pode ser passada de uma forma adequada.
Como sempre falo , na Umbanda estamos todos interligados, e apesar de praticarmos rituais com diferenças ,somos muito mais unidos que pensamos. Hoje ,na postagem do blog do Ricardo Barreira ele fala como a Umbanda é ecosófica. Como o próprio nome diz , ecosofia, é ecologia aliada à filosofia. Vou deixar abaixo o link para que leiam o texto mencionado.Tem muito a ver com esta minha postagem de hoje.
Na Umbanda aprendemos a manipular campos de força com elementos da natureza, para processos de cura de uma forma geral. Mas também, aprendemos  a manipular nossos pensamentos para que possamos passar as mensagens de forma mais clara para cada indivíduo que nos procura, porque o pensamento é o elemento natural do ser humano. É através dos pensamentos, e das ações geradas por eles, que construímos nossas vidas e de nosso meio. O equilíbrio de nossas emoções e de nossas relações familiares, sociais e profissionais são conquistas inestimáveis, assim como nosso entendimento de que nossa relação com a natureza também é imprescindível. São os pequenos milagres que resultam na grande obra da Umbanda neste nosso solo brasileiro: a maravilha do bem viver.
Um médium ao acreditar que é um mágico, está correndo um sério perigo, então deixo a foto desta postagem para que não se esqueçam. E como meu lindinho diz, é preferível acreditar que vamos à gira, como médiuns,não para fazer caridade, mas sim para retribuir tudo que a Umbanda fez por nós, principalmente a nossa reconstrução como seres humanos melhores.

Este é o texto do Ricardo Barreira:
http://www.ricardobarreira.com.br/2011/07/umbanda-ecosofica.html?spref=tw

18 comentários:

  1. a mediunidade é uma especie de magia contida num ser, exercida através de um amor enorme que vem de um espaço desconhecido, que até parece magica...

    ResponderExcluir
  2. Amiga querida, hoje mesmo estava falando com minha irmã sobre isto, são aquelas famosas coincidências,rsrsr. Nós estavamos comentando sobre o fato de algumas pessoas irem ao centro buscando fórmulas mágicas, achando que os médiuns ou orientadores da casa irão magicamente resolver seus problemas. Como diz um mentor nosso "Trabalhar e suar o períspirito ninguém quer", ele é muito bem humorado e muito sábio também. No espiritismo, assim como em qualquer religião, estamos lá para ajudar a pessoa a encontrar rqulibrio, libertar-se de energias negativas que possam estar atrapalhando a sua caminhada e no processo, auxiliar esta pessoa a crescer, evoluir, aprender a aceitar tanto as coisas boas quanto as ruins com serenidade. Esta é a gande lição da vida, encontrr equilibrio em tudo e saber que somos 100% responsáveis pelo nosso caminho e não jogarmos nossas expectativas num caldeirão mágico. Beijos de luz minha irmã.

    ResponderExcluir
  3. Adorei seu texto, ficou muito bom !

    ResponderExcluir
  4. bonito e sábio o texto. Parabéns

    ResponderExcluir
  5. Querida Xará, como você já sabe, nada conheço desta sua fé tão bonita. Mas sinto como verdadeira a idéia de que todos os nossos atos geram efeitos e reações nas vidas a nossa volta, retornando para a nossa própria. Por isso temos obrigação de analisar nossos pensamentos antes de concretizá-los, sem esperar por magia ou por efeitos especiais, porque nada acontece por acaso, somos donos de nosso destino. Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Sabe Andrea, que a assistência procure um milagre, eu entendo, afinal conhecer o mecanismo da Umbanda não é somente teoria, mas tbm a pratica.
    Mas qdo um médium se deixa tomar pelo orgulho, achando que pode tudo, achando que conhece tudo e como vc diz: " - Um médium ao acreditar que é um mágico, está correndo um sério perigo..."
    esse é o problema. O médium nunca pode perder a vontade de aprender, saber que existe muitas verdades, assim como uma historia sempre tem 2 lados, mas que o respeito, a humildade e a compreensão são ingredientes vitais para um bom desenvolvimento espiritual próprio. Adorei o Texto.

    ResponderExcluir
  7. Pensar antes de falar .Pensar antes de agir.Amar antes de pensar.Acho que se resume nisto.Transmitir mensagens com AMOR faz com que elas fluam suaves e cheguem ao interlocutor de forma mais direta e toquem seu coração.A mente aberta aceita melhor mudanças quando está apta a receber.Parece fácil, mas nunca é.É preciso muito treino e vontade de acertar.A magia está nisto...eu acho.Beijos nesta querida amiga e escritora!

    ResponderExcluir
  8. A Umbanda é humildade, nós médiuns somos apenas o veículo de transmissão dessa generosidade espiritual.
    Quem sabe e quem faz, não diz que sabe e não diz que faz.

    RicardodeOgum

    ResponderExcluir
  9. Olá Andrea.

    Muito 10 o texto.

    Serve para médiuns em todas as frentes de luta neste mundão. Mágico podemos considerar nossa condição hoje, sem procurar magia ou como exposto, o sobrenatural.

    Aliás, creio que não exista isso de sobrenatural. É TUDO natural, isso sim. Mágico pode ser um sorriso e uma palavra direta na hora certa, sem "embromação" como sugeriu seo Sete Cachoeiras.

    Beijo carinhoso!

    ResponderExcluir
  10. Abordagem interessante
    Sandra
    http://projetandopessoas.blogspot.com//

    ResponderExcluir
  11. Ótimo texto e maravilhoso ensinamento do "Seu 7 Cachoeiras". Que Deus nos abençoe sempre colocando no nosso caminho entidades tão iluminadas! Mil Beijos e Muito Axé!
    http://www.filhosdeaxe.com

    ResponderExcluir
  12. A umbanda se alia a várias outras filosofias e tb se alia a humildade, prática da caridade, mas frequentemente a vemos aliada a prepotência, interesses, ganância. É triste vermos a nossa umbanda, prática da caridade sendo administrada como se administra um show e os terreiros sendo usados como se fosse um palco, onde um aparecer mais do que outro é a atividade principal.

    ResponderExcluir
  13. Para esse texto maravilhoso , as duas citações abaixo transmitem tudo o que tenho a dizer:

    "A caridade não deve ser um bem de exposição, mas um discreto ato de amor." - Anônimo

    "O indivíduo deve saber que executa uma ação de verdadeira caridade não na frente de outras pessoas, mas diante da lei eterna de Deus."

    (ambas retiradas do twitter da @umbandanopeito)

    ResponderExcluir
  14. Lindo sábio texto..Essa semana uma pessoa me perguntou se no centro onde eu frequento se faz trabalho para tirar uma pessoa das drogas. Disse que sim, mas que ela precisaria ir na gira... Ela espantada me disse: Ué,por quê? E eu respondi: A umbanda não faz mágica... ajudamos quem vier de braços e coração abertos....E ela ainda com seu pensamento retrucou em um tom do tipo... Achei que era só pedir e nada fazer.... AH!! tenho que ir mesmo?
    Depois desse acontecimento percebi o quanto as pessoas no olham como Pronto socorro!! Vai lá e pede que a a umbanda resolve... tenho certeza resolve sim... diversos males....mas é um aprendizado diário de dedicação, paciência e perseverança.... e principalmente nos faz pessoas melhores!!!

    ResponderExcluir
  15. A energia segue o curso do pensamento! Se pensarmos bem, seremos homens e mulheres de boa vontade! Assim seremos irmãos de corpo, alma e espírito ainda que seja somente na contemplação dos sinais que o Criador colocou na grande estrutura do Universo - O Cosmo.
    Um só rebanho e um só pastor! Mesmo que julguem alguns que a religião simplesmente religião salve!
    Seremos salvos pela energia que flui a favor do próximo e contra os que furtam os direito do mesmo próximo.
    Que o Criador através dos seus anjos, profetas, mensageiros nos abençoe e guarde dos maus canais da desencarnação!
    Paz... Luz... prosperidade... compaixão... e culto racional!

    ResponderExcluir