sábado, 7 de julho de 2012

A Verdade em Yansã

Muito antes de entrar para a Umbanda, quando o céu ficava numa mescla de rosa e alaranjado nos finais de tarde e o terreno todo se iluminava, eu sempre chamava meus filhos para "sentirem" a presença dos anjos na terra. Sempre ficamos quietos contemplando até que aquela maravilha se dissipasse e anoitecesse. Anos se passaram até que eu soubesse que aquele tipo de pôr-de-sol também representava Yansã.
Somos todos imagem e semelhança ao Divino e ,ao meu ver ,o que nos torna assim tão parecidos a Ele é a centelha que nos cabe. Na Umbanda e no Candomblé a centelha que nos forja são inegavelmente os Orixás.  Diz qual é tua natureza e te direi quem és,pois o Orixá fala muito de quem somos e como lidamos com nosso cotidiano. Creio que está mais do que na hora de ampliar o conhecimento sobre a Senhora dos ventos e das tempestades, dos raios que queimam e dos raios que colorem os entardeceres de verão.


Falar que filhos de Yansã são brabos e briguentos ,simplesmente, é simplório demais. Talvez Yansã seja o Leão de Nietzsche em seu texto as Três Metamorfoses do Espírito que colocarei abaixo deste texto para consulta. Yansã é a força que busca a liberdade acima de qualquer coisa e a liberdade é a condição de não se submeter a valores antigos,mas possibilitar que novos surjam, muito bem embasados em conhecimento. Para ser livre é preciso ter a capacidade de mudar sem aviso prévio, assim como os ventos e os pensamentos. Filhos de Yansã que não se movimentam acabam por adoecer físicamente, porque isto vai contra a própria natureza. Esta mesma natureza nos impõe um só medo: a servidão. Nietzche ainda diz o seguinte dos que possuem alma de Leão, que traduz ainda mais Yansã: "Esfaimado, violento, solitário, ímpio, assim deve ser o querer leonino.Libertado de uma felicidade servil, dos deuses e dos cultos, sem medo, terrível, grande e solitário, assim deve ser o querer do verdadeiro. É no deserto que sempre viveram os verdadeiros, tal como os espíritos livres, senhores do deserto." Yansã como Ogum ,são guerreiros solitários. Enquanto Ogum abre caminhos, Yansã os percorre em busca da verdade. Sei que é difícil para alguns pais e mães de santo lidarem com filhos de Yansã, mas há que se ter cuidado. Regras muito duras e inflexíveis, meias verdades e injustiças são ofensas pessoais para filhos deste Orixá. Yansã é uma protetora nata da Umbanda, pois esta religião é viva e está em movimento, então não pode se atrelar a conceitos petrificados. Está fadado ao fracasso e à espada de Yansã aquele que ensina aos filhos de corrente uma coisa e pratica outra. Yansã é retidão de caráter, é o raio que elimina as dúvidas,clareia a escuridão criada pelo homem.

Para os filhos de Yansã tudo é medido,pesado, avaliado na busca da verdade. E para se chegar a um resultado a solidão é companheira. A força do leão que possuem é a energia transformadora da realidade. Os criadores de novas religiões e filosofias foram comparados nas escrituras sagradas a leões: Buda, Krishna, Jesus. Apesar de todos os atributos positivos que aqui coloquei, gostaria de citar Carl Jung que insiste sobre o perigo que representa a alma habitada pelo leão, devido à violência da sua paixão.Romper com o pré-estabelecido e tomar uma direção nova no pensamento é algo doloroso, e os filhos de Yansã suportam esta dor calados. Não conheço nenhum que não se martirize no parir "um novo conceito", uma nova forma menos injusta de conduzir sua existência.
 A comprovação da existência da partícula de Deus, ou Bósson de Higgs, na semana passada me fez repensar na posição de Yansã na Umbanda. Lá no início quando Zélio de Morais se revoltou em uma sessão espírita que não aceitava os espíritos dos mais simples e o impulsionou a criar a religião que hoje praticamos,não seriam os raios de Yansã em busca da verdade? Quando terreiros começam a desmoronar por não praticarem a caridade real e amorosa do Divino, que distinguem por classe social e volume nas carteiras de dinheiro, não seria esta mesma energia que determina o caos? Enquanto o Bósson de Higgs é a partícula que dá massa ao resto das partículas, não seria Yansã , partícula Divina que daria massa ao entendimento humano da fé umbandista? Yansã mais do que Orixá das Almas, é o Orixá da liberdade, do caos que cria a vida em plenitude, protetora aguerrida do livre -arbítro, Senhora da Espada que mais do que apontar a colheita conforme o que foi plantado, cria novas sementes no despertar de homens e mulheres que buscam a vida plena. Eparrey!


O texto citado:

20 comentários:

  1. Com toda a sinceridade: essa é a melhor descrição sobre Yansã que já li. Um dos melhores textos de seu blog!

    ResponderExcluir
  2. me emocionei com seu texto. amo o fim da tarde com suas cores, e como toda boa filha de Yansã por onde passo fica uma tempestade, não deixo as coisas como estão, odeio mentira, sou a grande causadora dos meu problemas, sou dificil mas nunca deixo de lutar. Obrigada Andréa lindo texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cada vez que nos conhecemos melhor Michele temos mais condições de nos aperfeiçoar, tenha a certeza que a felicidade está em nosso crescimento através do entendimento! Obrigada!

      Excluir
  3. me emocionei com seu texto. amo o fim da tarde com suas cores, e como toda boa filha de Yansã por onde passo fica uma tempestade, não deixo as coisas como estão, odeio mentira, sou a grande causadora dos meu problemas, sou dificil mas nunca deixo de lutar. Obrigada Andréa lindo texto.

    ResponderExcluir
  4. escrevi mas apagou então vou escrever de novo. me emocionei com seu texto, descreve perfeitamente o que uma filha de yansã sente, amo também as cores do fim do dia, sou tempestuosa, dificil mas justa.obrigada pelo texto.

    ResponderExcluir
  5. Mo Túmbà...Mukuiu e Kolofé aos meus amigos do Candomblé e Saravá aos meus amigos Umbandistas. Querida irmã Andrea, como nos conhecemos um pouco além de ser um texto maravilhoso que descreve de uma forma carinhosa este grande Orixá que é Iansã, percebo um certo desabafo...rsrsrsrsrs Concordo com todas as suas palavras...
    Parabéns por colocar a sua visão neste texto, falar o que sente, este é um dos melhores textos que já vi, de uma forma simples e clara você definiu com palavras sinceras a nossa querida Mãe Oyá/Iansã.

    “Olúaféfé sorí oman, Olúaféfé sorí oman – Dona dos Ventos que sopram sobre seus filhos”

    Asè Irmã

    ResponderExcluir
  6. Arrepiado, literalmente! Eu como filho de Ogum, tendo Yansã como a minha mãe e protetora, fiquei simplesmente "abestalhado" com tanta precisão. Parabéns, mais uma vez, "Minha Anjnha"! O seu texto foi esclarecedor, e me fez abrir os olhos para a minha fé, ainda mais. Eparrey, Oyá! Salve Yansã!

    ResponderExcluir
  7. Me descreveu como ninguém. SEMPRE FALO DE SUA INTELIGENCIA,VC SE SUPERA A CADA TEXTO , A CADA PESQUISA. Tenho ORGULHO de te conhecer,orgulho de VOCE. E OYÁ? Com certeza TE SORRI NESTE MOMENTO, com certeza!! axé da sua rezadeira...margaridas ou girassol?

    ResponderExcluir
  8. Chorei com os pêlos de pé do inicio ao fim!
    O melhorr texto que já li.... feito totalmente de alma, verdadeiro, perfeito!

    Gratidao por cria-lo e compartilha-lo

    ResponderExcluir
  9. Chorei com os pêlos de pé do inicio ao fim!
    O melhorr texto que já li.... feito totalmente de alma, verdadeiro, perfeito!

    Gratidao por cria-lo e compartilha-lo

    ResponderExcluir
  10. Chorei com os pelos de pé do inicio ao fim!
    O melhorr texto que já li.... feito totalmente de alma, verdadeiro, perfeito!
    Gratidao por cria-lo e compartilha-lo

    ResponderExcluir
  11. Palavras maravilhosas, e através do seu texto consegui respostas para muitas perguntas dais quais ainda não havia encontrado respostas....Magnifico!!!
    Muita luz e Paz a vc!!!!

    ResponderExcluir
  12. Magnifico!!! Através de seu texto encontrei respostas para muitas dúvidas que eu tinha e consegui me entender e entender o porque eu não consigo aceitar certas coisas em certos lugares...Parabéns!!
    Muita Luz e Paz e Saravá a nossa Umbanda e Candomblé!!!

    ResponderExcluir
  13. Com certeza, esse post trouxe ao entendimento de quem leu, o que é ter a proteção, presença e regência desta orixá maravilhosa! Epa hey!

    ResponderExcluir
  14. SINCERAMENTE!
    É COMO SE ESTIVESSE DESCREVENDO MINHA PESSOA... TOTALMENTE.
    OYA MESAN ORUN

    ResponderExcluir
  15. SINCERAMENTE!
    SOU BEM ASSIM!!!!!
    ME VI NESSE TEXTO.. TOTALMENTE
    OYA MESAN ORUN

    ResponderExcluir
  16. Eparrey minha mãe, Senhora do meu caminho
    Nunca li coisa mais linda, e palavras mas sinceras, muito bom
    Tocou a alma ... :D

    ResponderExcluir
  17. Que maravilha! Gratidão querida Christiane por compartilhar um texto tão esclarecedor, inspirador e inspirado, forjado em conhecimentos profundos e não superficiais. Que minha mãe nos proteja e nos cubra com sua proteção! Epa Heyi Oyá! Asé!

    ResponderExcluir